Prodetur e Rota do Queijo! Melhorias para o Turismo em Soure

0

O prefeito de Soure Guto Gouvêa esteve na noite da última quinta-feira (16), recebendo em seu gabinete, a equipe técnica do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur-PA) e do SEBRAE-Pa. Na reunião foram apresentadas as metas do Programa e de início foi apresentado o projeto de revitalização do Terminal Hidroviário de Soure adequado às normas da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) Soure deve ganhar um porto flutuante moderno com todas as normas de acessibilidade para os usuários. O aeródromo da cidade também deve receber melhorias advindas do Projeto, segundo o prefeito o transporte é o grande gargalo para o desenvolvimento do turismo na região e as melhorias porto e no aeródromo seram de grande valia para a melhoria do turismo.

No Pará serão um total de 42 projetos que constam na matriz do Prodetur, a celebração do contrato de empréstimo, é no valor de US$ 44 milhões, entre o Governo do Estado e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). “O que alavancará, efetivamente, o crescimento do turismo paraense nos próximos 4 anos, em especial o polo Marajó, será o Prodetur”, palavras do secretário de Turismo do Estado Adenauer Góes.

Do total de recursos que serão aplicados nos polos Marajó, Tapajós e Belém, caberá ao arquipélago a maior parte dos investimentos, com 50% do total. No que se refere a estratégia do produto Marajó serão realizados a pesquisa de demanda atual e potencial, elaboração de pesquisa diagnóstica, construção de centro de referência, mapeamento cultural, roteirização turística, plano de interpretação turística, equipamentos de uso público turístico em áreas protegidas, estudo diagnóstico da cadeia produtiva local, apoio a rede de operadores receptivos, sinalização turística.

A equipe do SEBRAE-Pa que também participou da reunião apresentou a rota do queijo como forma de incrementar do fluxo turístico, tendo como principal indutor o queijo da região. Esse é o objetivo principal da Rota Turística do Queijo do Marajó, desenvolvida pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Turismo (Setur), em Soure, Salvaterra e Cachoeira do Arari. O programa visa agregar valor aos produtos agrícolas locais e beneficiar pequenos produtores rurais das comunidades envolvidas, a fim de gerar negócios, emprego e renda.

A Rota Turística do Queijo do Marajó pretende ser uma alternativa de renda para os produtores locais, uma vez que o fluxo de pessoas ao longo da rota dinamiza a economia e possibilita a valorização dos atrativos naturais, culturais e históricos da localidade.

O vice-prefeito do município Adrin Nunes que acompanhou as equipes nas visitas técnicas destacou a importância dos Projetos para o desenvolvimento econômico da região em especial do município de Soure.

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.


Acessibilidade
Acessibilidade